Username:
Senha: Esqueceu sua senha? Lembrar Senha. Cadastre-se
Relacionamento Virtual: O Lado Ruim


Noticias:

Todas as notícias de Relacionamento Virtual: O Lado Ruim:

Início -> Namoro -> Relacionamento Virtual: O Lado Ruim

Em meu artigo anterior sobre o tema foram ressaltados seus aspectos positivos. Mas, ao falarmos das relações virtuais tão corriqueiras nos dias de hoje, não podemos nos esquecer que elas, assim como tudo na vida, possuem dois lados: o lado bom, saudável e o lado ruim, conflituoso, perigoso. Neste, falaremos do outro lado da moeda.

Dias atrás recebi um e-mail que me levou a escrever este artigo. Tratava-se de um “depoimento pessoal”. Uma mulher dizia ter conhecido um homem pela internet. Durante algum tempo se falaram com freqüência através de e-mail, até que chegou um momento em que resolveram marcar um encontro. Ela tomou a precaução de marcar o encontro em um shopping, por ser um local público, movimentado, com várias pessoas, julgando não haver nenhum perigo. Conversaram, tomaram um café, o rapaz se mostrou simpático, era bonito. Após algum tempo resolveram passear pelo shopping. De repente o rapaz sacou discretamente uma arma e ameaçando-a caso ela reagisse e obrigando que ela o levasse até o seu carro. Lá chegando, outros dois homens se aproximaram do carro dela (eram cúmplices do rapaz). Ela foi estuprada, surrada, humilhada, abandonada num local ermo e ainda teve seu carro roubado. NINGUÉM parou para ajuda-la. Isso tudo levou horas. Fez queixa na polícia, fez exame de corpo delito, mas, infelizmente “os monstros”, como ela os chamou, ainda estão soltos. Tudo o que se sabe até agora é que fazem parte de uma gangue de estupradores que marcam encontros pela net para estuprar.

Na internet é comum que pessoas se aproveitem do anonimato para criarem personagens que são muitas vezes o oposto daquilo que realmente são. Elas se transformam: o feio fica bonito, o velho vira jovem, homens e mulheres trocam de sexo, o lobo vira cordeiro, o tímido vira eloqüente para satisfazerem suas próprias fantasias. Assim, ao vender essa falsa imagem, quem está do outro lado passa a viver também essa fantasia. Na verdade, ambos estão vivendo suas próprias fantasias, criando expectativas.
Essa parece ser uma das principais causas das decepções no momento do encontro pessoal: cria-se uma expectativa de que o outro corresponda ao personagem criado, o que nem sempre acontece na realidade. É claro que a frustração pode ocorrer antes do encontro, uma vez que podem surgir problemas inerentes a todo e qualquer tipo de relacionamento.

Em qualquer lugar, a qualquer momento estamos fadados a conhecer pessoas. Se vamos nos relacionar com elas ou não depende da nossa vontade. O mesmo acontece nas relações virtuais. Seja off- line, seja on- line, essas relações se iniciam pelo que vemos ou queremos ver no outro, ou seja, um indivíduo se envolve com o outro baseado nas suas próprias expectativas. Nos sentimos atraídos pela beleza física, inteligência, bom humor, interesses em comum, caráter, valores, confiança, entre outros. O sexo pode vir ou não como complemento da relação, assim como a paixão e o amor.

Verídica ou não, a história acima, pode acontecer com qualquer pessoa. A violência está em toda parte, no dia a dia, podendo acontecer o mesmo numa relação que começou off- line. Seja qual o motivo de se estabelecer um relacionamento, virtual ou não, o importante é usar o bom senso. E não se esqueça de que sua vida é importante.

Kelly Cristine Barbosa Cherulli
Sexologa


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dicas sobre sexo.
Dicas sobre dietas.
Dicas sobre cultura.
Dicas sobre dinheiro.
Dicas sobre esportes.
Dicas sobre Namoro
Dicas sobre restaurantes.
Dicas relacionadas com Homossexualidade

Sites Interessantes:

Dicas Viagens Diretório Seguros Diretorio Cirurgía Empréstimos
Anúncios Gratis de ServiçosGuia FenixDiretório IndustrialDiretório Brasil


Início | Chat | Fórum | Cadastre-se | Fale conosco | Recomende este site | Enquetes