Username:
Senha: Esqueceu sua senha? Lembrar Senha. Cadastre-se
O primeiro jantar


Noticias:
O primeiro jantar Academia Brasileira de Eventos dá posse aos novos acadêmicos
Em 25-02-2007.

A Academia Brasileira de Eventos, com sede em São Paulo, comemora seu primeiro aniversário realizando a posse de seus novos acadêmicos, dia 26 de fevereiro, no Caesar Park Faria Lima.
Na cerimônia tomam posse: na Cadeira 14, o presidente da CVC Viagens e Turismo, Guilherme Paulus, que tem como patrono Caio Pompeu de Toledo, que foi secretário de Turismo da cidade e do estado de São Paulo; na Cadeira 15, o ...

Ler mais

 

Todas as notícias de O primeiro jantar:

Início -> Restaurantes -> O primeiro jantar

O Primeiro Jantar


O título da matéria é o primeiro jantar, mas talvez o mais apropriado fosse a primeira refeição. Não poderia ser o primeiro encontro, mas notem que quase todo primeiro encontro implica numa primeira refeição e que, quase sempre, o primeiro encontro se dá à noite. Por isso, achamos que “O Primeiro Jantar” não era tão mal assim.

O problema com essa refeição de estréia é muito sério. Os amigos devem tomar especial cuidado, porque são eles que quase sempre se responsabilizam por conduzir o evento. As possibilidades de fiasco à mesa ampliam muitíssimo as possibilidades de fracasso à cama, que às vezes nem chega a ser desmanchada. Entretanto, a observância de pequenas normas práticas pode produzir os melhores resultados nesse sentido, na medida em que nos permitem evitar os equívocos mais comuns. Sintetizamos essas normas num conjunto simbólico nomeado “Os Dez Mandamentos para o Primeiro Jantar”. São eles:

 

1. Não tente fazer o que não sabe, em nenhuma hipótese: não tente cozinhar o que não sabe. Se não souber cozinhar, vá a um restaurante, boate, boteco ou congênere. Não tente escolher comidas que não conhece nem experimentar combinações loucas. Isso colocará sua naturalidade a perder;

2. Informe-se em todos os sentidos: prefira sempre a informação. Pergunte à sua companheira o que ela gosta e quais são suas aspirações. Verifique a freqüência do local escolhido, os melhores dias, as regras da casa e a disponibilidade do cardápio (muitos são sazonais). A surpresa desagradável passará impressão desagradável a seu respeito. Você, sabendo disso, se embananará inteiro. Evite embananamentos;

3. O clima é tão ou mais importante que a comida: é muito comum que mulheres se enlevem por conta do ambiente que lhes é proporcionado. Quanto mais esse ambiente coincidir com as expectativas de sua companheira, tanto melhor. Se ela espera uma jantar fino, um restaurante fino será adequado. Mas, se ela espera um petisco descompromissado e desprendido, um local mais rústico e charmoso fará a diferença. Ambientes inadequados tirarão a naturalidade da moça e, assim, suas chances de prolongar a noite estarão perdidas;

4. Modere-se. Até na moderação: não vá, logo no primeiro dia, revelar o glutão flatulento que você é. Não se embebede, nem coma tanto que tenha que arrotar. Saia da mesa com um pouco de fome e apenas ligeiramente alto. Descarregue esse apetite todo depois.

5. Prefira comidas leves: não adianta nada você se dispor a comportar-se se você levar a moça para comer uma rabada com polenta. Além do mais, se tudo der certo você fará exercícios depois, e ninguém quer que você troque a ordem dos pratos principais.

6. Tente escolher dois pratos sempre que possível: além de ser muito cafona pedir um prato só, como se vocês estivessem tentando economizar no almoço da firma, se você pede um prato só um não pode dar comidinha na boca do outro. Isso os priva daquele tradicional “deixe-me experimentar o seu”.

7. Controle sua fúria: o mínimo de etiqueta convém. Seja gentil. Sirva-se depois, coma depois, sente-se depois. A única coisa que você faz antes é perguntar. Não fale com a boca aberta, cheia de comida. Não use a bebida para ajudar na deglutição. Não se palite. Deixe sua fúria para depois.

8. Nunca trate mal os garçons: aliás, nunca trate mal nenhuma pessoa que o estiver atendendo. Essas pessoas o servem e ser servido é uma honra. Nada contra certa intimidade quando você conhece o lugar, desde que fique claro que a situação presente é diferente das demais. Se você destratar um garçom, vai parecer um imbecil capaz de destratar qualquer pessoa. Ninguém dorme com imbecis se o descobrem imbecis a tempo.

9. Não se apresse: não corra, não peça comida tão logo chega ao lugar, não se insurja contra a demora no atendimento. Use-a a seu favor. Não queira encerrar tudo rapidamente, peça sobremesa com calma e desfrute-a. Tome o café. Se sua companheira não estiver com pressa, ela vai adorar. Se estiver, vai adorar mais ainda.

10. Deixe gorjeta: ninguém precisa saber, agora, o quanto você é pão-duro, mesquinho e mal educado. O argumento “Eles já ganham os 10%” dá à sua companheira o poder de conhecê-lo mais do que você gostaria. A ausência de gorjeta pode resultar em restrições as mais indesejadas.


Editores

 

www.leveiumpenabunda.com.br


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dicas sobre sexo.
Dicas sobre dietas.
Dicas sobre cultura.
Dicas sobre dinheiro.
Dicas sobre esportes.
Dicas sobre Namoro
Dicas sobre restaurantes.
Dicas relacionadas com Homossexualidade

Sites Interessantes:

Dicas Viagens Diretório Seguros Diretorio Cirurgía Empréstimos
Anúncios Gratis de ServiçosGuia FenixDiretório IndustrialDiretório Brasil


Início | Chat | Fórum | Cadastre-se | Fale conosco | Recomende este site | Enquetes